Cotação do Bitcoin: Moeda fica na casa dos 30 mil reais

Cotação do Bitcoin: Moeda fica na casa dos 30 mil reais“O Bitcoin é tão importante para o mercado das criptomoedas que a queda em sua cotação acaba influenciando as demais, ou grande parte delas, junto.”

Quem acompanha de perto ou investe em Bitcoin e em criptomoedas, sabe que é um ativo considerado de alto risco, devido a sua alta volatilidade e amplitude de variação é altíssima. Para que você entenda o que isso quer dizer, no mês passado a cotação de 1 BTC (bitcoin) chegou a um pico de mais de 40 mil reais e, no mesmo mês, a um vale de 28 mil.

Alguns especialistas apontavam que o fechamento do mês seria mais negativo ainda, desanimando uma parte dos investidores da moeda, mas boas noticias, a moeda começou a retomar sua cotação e está numa faixa muito boa.

Enquanto escrevo este texto, o bitcoin está sendo cotado a R$ 31.200,00, é claro que a subida é lenta e ainda não é o que a grande maioria dos investidores esperam, e que este valor não está tão próximo dos 40 mil que já chegou a alcançar, mas de qualquer forma, a linha gráfica de sua cotação tem se mantido na casa dos 30 mil. Como você pode ver abaixo:

 

As sanções do mercado chinês, que fizeram mais uma campanha de perseguição e resistência às criptomoedas foi a principal responsável pela forte queda na cotação que a moeda sofreu no mês passado.

Com uma certa frequência até, os governantes chineses aumentam o controle, a fiscalização e emitem mais sanções para a circulação das moedas digitais, claro que isto acaba impactando fortemente na cotação, já que a China tem o segundo maior mercado do mundo.

Surgimento em 2008

O Bitcoin foi criado em 2008, mas lançado somente em 2009 por Satoshi Nakamoto (pseudônimo usado pelo verdadeiro criador da moeda). Foi a primeira moeda digital, quando lançada era considerada apenas uma aposta do futuro. Atualmente é com certeza a principal moeda do mercado, em um cenário que oferece milhares de opções.

Comments (No)

Leave a Reply